sábado, agosto 19, 2006

Do "amigo" Chávez

O pretenso delfim do bolorento Castro, o nosso "querido" bolivariano Chávez, parece que vai mesmo às compras. O magnate dos petróleos e arquitecto de uma nova América pretende adquirir muito mais do que os 22 caças Sukhoi (Su-30), os 30 helicópteros ou os 100 mil fuzis AK-130 - tudo de fabricação russa e recentemente comprados. O comandante deseja pelo menos 150 jactos supersónicos, de 10 a 15 submarinos lançadores de mísseis, 138 navios de guerra, além de conjuntos de radares, fábricas de sistemas de defesa, e, why not, alguma capacidade nuclear. Com o crude a roçar os US$ 80 este cromo pode dar-se o gosto... e o luxo. Temporal à vista.

3 Comments:

At 3:12 da tarde, Blogger Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú said...

Ora aqui está um belo par de jarras! :)

 
At 4:58 da tarde, Blogger Vanguardista said...

Não me digam que o Chavez é que vai invadir os EUA :P

 
At 10:13 da tarde, Blogger Euro-Ultramarino said...

Caro Visconde:

E jarras cheias de líquido sulfuroso...

Caro Vanguardista:

Não, a loucura não chega a tanto, mas ajuda para assustar a casa e os vizinhos.

Um abraço a ambos.

 

Enviar um comentário

<< Home