quinta-feira, outubro 12, 2006

Profecias

"Daqui a poucos anos - dois?, três?, quatro? - uma destas duas coisas se observará em África; o progresso paralizado em muitas das suas extensões, com a total ruína das economias, a degradação das populações e o horror das lutas intestinas; ou bem, tentativas ou experiências de colonialismo internacional, irresponsável, e, só por isso, desumano, diante do qual o negro, diplomado ou não, será apenas uma unidade estatística."

O "pecado" imperdoável de ter-se razão antes do tempo...

5 Comments:

At 8:53 da manhã, Blogger David Oliveira said...

Caríssimo amigo,
desculpe a ousadia! mas ... se pudesse publicar o texto todo ... eu de certeza ficar-lhe-ia muito, muito grato!ou colocá-lo na rede para consulta ou dizer de que obra se trata, ou escrito ou o que fôr!
Força!

 
At 1:49 da tarde, Blogger FSantos said...

«Muito poucos políticos poderiam tolerar hoje a comparação de afirmações feitas à distância de vinte anos. Na melhor hipótese, os textos mais recentes seriam a modificação de um ponto de vista amigo; as mais das vezes, o confronto havia de ser intolerável, pois salientaria contradições flagrantes. Que seja possível com Salazar pôr em confronto, lado a lado, pedaços dos seus discursos de 1928, de 1940 e de 1950, sem que o mais atento leitor possa descobrir uma só contradição, eis o que não é vulgar. E, ainda menos, que a sua extraordinária unidade e continuidade de pensamento transcenda o tempo».»
(Jacques Ploncard d'Assac)
http://santosdacasa.weblog.com.pt/arquivo/2005/03/jacques_ploncar.html

 
At 2:37 da tarde, Blogger Euro-Ultramarino said...

Caro David:
Encontrei este excerpto em "La Catedral y el Alcázar", pelo Pe. Alfredo Sáenz, Editorial Gladius, Buenos Aires, 2004, págs. 253-254.
Nos meus alfarrábios pátrios ainda não pude localizar a passagem. Se conseguir aviso o Amigo com muito gosto.
Um abraço.

 
At 2:41 da tarde, Blogger Euro-Ultramarino said...

Meu caro FSantos:
Estas linhas do Ploncard de facto ressaltam uma das característica mais marcantes do pensamento salazariano - a sua unidade. A unidade e a coerência deste pensamento são matéria para uma tese doutoral!
Um abraço.

 
At 6:44 da tarde, Blogger Camisa Azul said...

Está em curso uma iniciativa para criar um Museu dedicado a Salazar.

 

Enviar um comentário

<< Home